Notícias

Alta e Allflex anunciam parceria estratégica para oferecer tecnologia de monitoramento a rebanhos leiteiros

 

À esquerda, o diretor da Alta no Brasil, Heverardo de Carvalho ladeado pelo presidente da Antelliq para a América Latina, grupo ao qual pertence a Allflex, Alexandre Alves

A Alta, líder em melhoramento genético de bovinos, e a Allflex, líder mundial em inteligência animal, anunciam uma parceria estratégica para oferecer ainda mais precisão, qualidade, controle e conveniência aos produtores de leite. A Alta passa a oferecer em seu portfólio a mais moderna plataforma de monitoramento da Allflex, SenseHub, que fornece informações em tempo real sobre o status reprodutivo, de saúde, nutricional, estresse térmico e bem-estar das vacas, permitindo a tomada de decisões mais assertivas.

 

De acordo com o diretor da Alta no Brasil, Heverardo de Carvalho, a cooperação é uma oportunidade para os pecuaristas conhecerem melhor os números da sua propriedade, alinhando isso às novas técnicas de manejo para atuar em prol da melhor produção e reprodução das vacas. “São duas empresas fortemente difundidas no mercado, que juntas, poderão levar ainda mais tecnologia e informação para a cadeia produtiva. Temos certeza de que será uma parceria de sucesso, e no final quem sai ganhando é o produtor rural”, diz.

 

O presidente da Antelliq para a América Latina, grupo ao qual pertence a Allflex, Alexandre Alves, também destaca a importância do acordo. “É uma parceria entre duas empresas líderes em seus mercados de atuação, que unem forças para tornar a tecnologia mais acessível aos pecuaristas. O acordo permitirá que um maior número de produtores possa monitorar seu rebanho com uma tecnologia que impacta diretamente não só na produtividade, na gestão e nos resultados dos negócios como também na qualidade de vida das pessoas que trabalham na pecuária de leite”, destaca Alves.

 

A parceria inclui os sensores eSense em formato de brinco e os colares cSense, que dão informações na plataforma SenseHub sobre os diferentes tipos de lotes do rebanho, abrangendo vacas e novilhas.

 

“É possível avaliar o comportamento do animal monitorando atividade, ruminação e movimentos respiratórios. Com isso, o produtor terá informações sobre estro, nutrição e saúde das vacas, que tornam sua tomada de decisão muito mais acertada”, destaca o Gerente Técnico de Leite da Alta, Tiago Moraes Ferreira.

 

“O SenseHub monitora em tempo real a saúde dos animais, permitindo que o produtor possa agir de forma preventiva ao identificar uma vaca nos alertas de saúde do sistema. Assim, essas vacas que aparecem nos relatórios de saúde podem ser inspecionadas, pontualmente, para definição do diagnóstico e tratamento. Essa abordagem proativa contribui para uma recuperação mais rápida dos animais, com menor risco de afetar a produção de leite. O monitoramento otimiza a produtividade e o bem-estar dos animais para que o negócio seja mais sustentável e lucrativo”, completa o gerente de monitoramento da Allflex para América Latina, Luciano Lobo.