Notícias

Arquivo

Allflex lança no Brasil plataforma que representa a nova geração em monitoramento em vacas

A Allflex, empresa líder mundial em identificação e monitoramento de animais, lançou no Brasil o SenseHub™, plataforma para coleta de dados e monitoramento da ruminação individual dos animais, que mostra em tempo real os pontos de atenção de cada um. O sistema fornece informações sobre status reprodutivo, saúde, estresse térmico, nutrição e bem-estar, as quais permitem tornar a atividade mais lucrativa.

Com o SenseHub™, as soluções de monitoramento da Allflex dão suporte aos sensores eSense em formato de brinco e ao colar cSense, que dão informações sobre os diferentes tipos de lotes do rebanho, abrangendo vacas e novilhas.

“Com essa tecnologia o produtor tem em mãos informações sobre cada um dos animais do seu rebanho, permitindo tomar decisões mais assertivas em relação a eles. A capacidade avançada do SenseHub™ demonstra o esforço contínuo em ajudar os pecuaristas a otimizar a produtividade e o bem-estar dos animais para que tenham uma operação mais sustentável e lucrativa”, afirma o gerente de monitoramento da Allflex para a América Latina, Luciano Lobo.

Eventos de lançamento
O lançamento do SenseHub™ no Brasil foi marcado pela realização de eventos para pecuaristas e técnicos em Castro (PR) e Bom Despacho (MG) com uma palestra proferida pelo médico-veterinário, pesquisador e extensionista da Universidade da Flórida, nos EUA, Ricardo Chebel, que em suas linhas de pesquisa alia experimentos com monitoramento no manejo de vacas em período de transição e seus impactos em parâmetros imunológicos, metabólicos e de saúde.

Para o pesquisador, o chamado período de transição ou periparto, que compreende o pré parto e o pós parto, é muito crítico e pode determinar o futuro da lactação. “A vaca precisa ser preparada para essa fase para de forma que passe de não produtora para produtora da maneira menos estressante possível. Um período de transição ruim, com estresse, seja nutricional, ambiental ou metabólico, compromete toda a lactação tanto em produção de leite quanto em aspectos relacionados à saúde e reprodução”, explica Chebel. Vem daí a importância de coletar e analisar dados principalmente no período de transição.

“A preocupação no período de transição deve ser sempre oferecer conforto, diminuição do estresse calórico, fornecimento de água e comida. Por isso é muito importante monitorar cada um dos animais. Sem dados não há decisão bem feita”, ressalta o pesquisador.

Monitoramento da reprodução, saúde e nutrição
Na área reprodutiva, o novo sistema da Allflex auxilia o produtor a otimizar as taxas de concepção e reduzir inconsistências no monitoramento do comportamento dos animais em estro graças à precisão na detecção de cio. “Combinando dados de atividade, ruminação, alimentação e outros componentes-chave de um animal em cio, em tempo real, o monitoramento fornece informações práticas e assertivas aos produtores”, explica Luciano Lobo.

Na plataforma também é possível monitorar em tempo real a saúde dos animais, permitindo agir de forma preventiva, realizar diagnóstico precoce do problema, o que contribui para uma recuperação mais rápida dos animais, sem afetar sua produção de leite ou período de transição.

Com o SenseHub™ também é possível melhorar a estratégia de nutrição dos ani¬mais, compreendendo rapidamente como as vacas reagem às mudanças na quantidade de alimento fornecido, mesmo com ajustes sutis, como mudanças na porção, novos lotes, novos fornecedores, uma toxina ou problemas alimentares. “A plataforma ajuda a entender os efeitos sobre o bem-estar das vacas, como o clima extremamente quente, falta de água, camas úmidas, excesso de população, mudanças no agru¬pamento, equipamentos ou funcionários da fazenda”, ressalta Lobo.

Outra novidade para o mercado brasileiro é o Young Stock, destinado a animais recém-nascidos até seis meses. Único no mercado, ele monitora o gado jovem de forma preventiva, permitindo que se detecte o início de problemas de saúde, o que evita impactos na curva de crescimento ou queda de desempenho, auxiliando na redução da mortalidade. A solução está disponível na plataforma SenseHub™ (monitoramento), no sistema Heatime® Pro + (monitoramento/gestão) e Data Flow+.


Genética e monitoramento do rebanho são aliados para o aumento de produtividade na pecuária leiteira

HRLDn_1A atividade leiteira no Brasil enfrenta grandes desafios em gestão e manejo do rebanho, que acaba refletindo em índices de produtividade precários. Prova disso é que a produção média brasileira é de 4,5 litros por vaca/dia, enquanto os vizinhos Argentina e Uruguai estão na casa dos 12 litros.

Com margens cada vez mais apertadas e cerca de R$ 1,25 pago ao produtor em média no país, de acordo com dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), uma das saídas para melhorar a rentabilidade da atividade é aprimorar a gestão da propriedade com investimento em genética e tecnologia.

Por isso, a Allflex, líder mundial em identificação e monitoramento de animais, em parceria com a Semex, empresa de genética bovina, oferece aos pecuaristas de leite brasileiros a tecnologia do programa AI24, um software que monitora em tempo real a saúde e a reprodução das vacas e novilhas.

Como funciona?

O sistema de monitoramento consiste num colar colocado no pescoço do animal que capta os sinais de atividade, ruminação e ofegação da vaca, enviando os dados automaticamente a um software de gestão.

Segundo a gerente técnica e comercial de monitoramento da Allflex, Brenda Barcelos, o sistema possibilita correlacionar o aumento da atividade e diminuição da ruminação com o cio, indicando o melhor horário para inseminação, alertas de possíveis problemas de saúde ou, por meio da ofegação, pode indicar a porcentagem do lote que está em estresse calórico, acompanhando cada animal de forma individual para melhor eficiência da fazenda.

“Por meio do colar, podemos fazer a captação de atividade, com notas de cio e o melhor horário para inseminar o animal, que é uma informação primordial para a reprodução”, explica Brenda. “Além disso, temos a vantagem do sistema alertar sobre desconforto em gestações acima de 260 dias e tempo prolongado sem ruminação”, exemplifica Brenda.

O Gerente de Marketing do Grupo Semex, Eduardo Fey, destaca que entre as principais vantagens dessa tecnologia está a facilidade do uso do programa. “Com um treinamento simples, o produtor consegue se antecipar aos problemas de origem metabólica e de saúde, por exemplo, pois ele é avisado com antecedência se seu animal padece de alguma situação de doença, podendo assim interferir em um tratamento muito antes dos sintomas clínicos realmente aparecerem no animal”, aponta.

O sistema também controla e monitora dados em nível de rebanho. Em seguida processa essas informações, apresentando-as em relatórios e alertas em tempo real, totalmente personalizáveis e fáceis de entender. O software fornece aos administradores de rebanhos e ordenhadores ferramentas projetadas para ajudá-los a gerenciar suas tarefas diárias e melhorar a lucratividade.

Parceria sólida

O diferencial é que os clientes participantes do programa podem utilizar a tecnologia do monitoramento Allflex em seu rebanho por meio de locação oferecido pela Semex. “A Semex proporciona ao produtor, por meio de locação, a oportunidade de testar primeiramente a tecnologia do monitoramento. Após o término do contrato, o produto passa a ser do pecuarista”, salienta a gerente técnica e comercial de monitoramento da Allflex, Brenda Barcelos.

Além disso, a Allflex oferece aos colaboradores da Semex treinamentos periódicos sobre os sistemas de monitoramento. Com isso, além de conhecer de forma detalhada todas as funcionalidades do sistema, levam informações precisas ao produtor.

“A parceria é de extrema importância ao pecuarista, pois são duas empresas que trabalham oferecendo e disponibilizando soluções às propriedades e no final, quem ganha é o produtor de leite brasileiro. O AI24 vem se firmando nos mercados mais desenvolvidos do mundo como uma importante ferramenta para melhorar resultados dos clientes. No Brasil, os depoimentos dos produtores que já adotaram o programa reforçam esta inovadora possibilidade de instalação do AI24 na forma de locação, uma exclusividade da Semex, altamente flexível e sob medida para qualquer porte de propriedade”, salienta Fey.